Terça-feira, 25 de Maio de 2010

Hoje em dia, os jovens lêem muito pouco, embora haja alguns jovens que já se foram interessando um pouco mais pela leitura.

Muitos apenas lêem porque nas escolas as(os) professoras(es) de Língua Portuguesa lhes dão essa tarefa escolar e aqui intervém o papel da escola. Outros, por outro lado, nem assim lêem, embora, por outro lado ainda, outros jovens se interessem por ler todos os dias, sem ser por obrigação.

A leitura tem um papel muito importante nas nossas vidas, nomeadamente na capacidade de resolver testes e exercícios mais rapidamente e na descoberta / desenvolvimento de novas capacidades que desconhecíamos que tínhamos.

Ler vários livros ajuda-nos a conhecer melhor o nosso género literário e certos livros ensinam-nos coisas sobre a vida. Penso mesmo que os livros nos caracterizam psicologicamente em relação ao género literário de que gostamos mais.

Muitos jovens não utilizam a biblioteca como meio de pesquisa e de leitura, mas sim de divertimento - para ver videoclips e jogar -; pouca gente percebe que ler também pode ser divertido! Há certos livros que não conseguimos parar de ler enquanto não chegarmos ao final e vermos o que acontece, ficamos presos a eles. Esses livros são muito divertidos, a sério, experimentem!

As campanhas que existem com o objectivo de motivar os jovens a ler são muito boas, mas mesmo assim não resultam muito, deveria haver mais campanhas ainda e deviam realizar-se mais programas de leitura nas bibliotecas escolares e municipais, não só com aqueles pequenos livros, mas também com policiais, obras dramáticas, poéticas, de romance e com histórias reais.

Ler não é chato, é divertido!

Carina Tomé, 9.º A



publicado por Bibliotecas de Penedono às 09:45
O blogue das Bibliotecas de Penedono
links
 
blogs SAPO